O convênio de apoiar os líderes da Igreja

Compartilhe!

Com a chegada da Conferência Geral, os membros de A Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias têm a oportunidade de ouvir a palavra do senhor através de Seus líderes escolhidos e de apoiar formalmente estes líderes.

Normalmente, o apoio aos líderes da Igreja acontece na Sessão da Tarde de Sábado da Conferência Geral e as palavras introdutórias para o apoio geralmente são: “Apresentarei agora as autoridades gerais, os setentas de área e as presidências gerais das auxiliares da Igreja para o voto de apoio.” Essas palavras podem não parecer muito importantes, nem causar qualquer impacto em quem as ouve, mas, se pensarmos mais seriamente sobre o significado delas, veremos que, na verdade, elas são muito importantes e significativas.

Os líderes da Igreja são servos chamados pelo Senhor. Eles não almejaram estas posições, nem se chamaram a si próprios, nem fizeram campanha por esses cargos. E, uma vez que eles estão nessas posições, somente serão desobrigados ao morrerem, no caso específico dos Apóstolos. Eles realmente passam a viver para a obra do Senhor pelo resto de suas vidas.

Ao levantar nossa mão em sinal de apoio a estes líderes, declaramos solenemente que obedeceremos às leis e mandamentos que são dados pelo Senhor por intermédio deles. Se decidimos levantar a mão em sinal de apoio, mas depois decidimos não obedecer suas palavras, é como se “anulássemos” nosso voto dado. O Senhor Jesus Cristo sofreu e perseverou por nós e nos apoia e devemos fazer o mesmo pelos líderes da Igreja.

A Igreja não é uma democracia, como o mundo entende essa palavra. A Igreja é uma congregação de pessoas que foram chamadas pelo Senhor para fazerem convênios com Ele. Não renunciamos ao nosso arbítrio ao fazermos convênios com o Senhor. Na verdade, é com base em nosso arbítrio que assumimos estas obrigações. Na Igreja, o “voto” significa um comprometimento solene, um convênio sagrado que inclui promessas de ambas as partes. Ao levantarmos a mão em um voto de apoio aos líderes da Igreja, prometemos que vamos ajudá-los, sofrer e perseverar com eles.

Ao levantarmos nossas mãos em sinal de apoio aos líderes da Igreja, devemos fazê-lo com firmeza. Braços desalinhados e mãos quase fechadas não demonstram a força que nosso ato precisa demonstrar. O apoio aos líderes da Igreja é enobrecedor. Este ato nos ajuda a nos tornarmos como Jesus Cristo, ao sinceramente declararmos publicamente que nos submetemos à Sua vontade.

Fonte: Baseado em um artigo da LDS Living

Siga-me!

Antonio Carlos Lima

Antonio Carlos Lima é um membro da Igreja há 35 anos. Mora em Aracaju/SE. Serviu na Missão Brasil Brasília, de 1991 a 1993. É casado, pai e avô.
Siga-me!

Compartilhe!