COVID-19: Presidência da Área Utah pede que as famílias não se reúnam nos aeroportos para receberem os missionários

Compartilhe!

Como um grande número de missionários volta para casa devido à crise global da saúde, a Presidência da Área Utah está lembrando aos membros e missionários que sigam instruções sobre o auto-isolamento e a presença nos aeroportos.

Em uma carta de 23 de março, o Élder Craig C. Christensen, o Élder Randy D. Funk e o Élder Walter F. Gonzalez agradeceram aos presidentes de estaca locais por ajudarem as massas sem precedentes de missionários que retornam a suas casas e também expressaram “profunda preocupação” com a forma como os missionários que retornavam eram recebidos no Aeroporto Internacional de Salt Lake City.

“O que ocorreu no domingo à tarde no aeroporto de Salt Lake nos causa uma profunda preocupação com os missionários e suas famílias, desconsiderando instruções importantes sobre o auto-isolamento e a reunião nos aeroportos”, eles escreveram. “Pedimos que vocês ajudem os membros de suas estacas a entenderem a seriedade da pandemia do COVID-19, a importância de praticar o distanciamento social seguro e a necessidade de seguir as recomendações dos Centros para Controle e Prevenção de Doenças dos Estados Unidos”.

A carta incentivava os líderes a enfatizar aos missionários e suas famílias as instruções fornecidas pela Igreja: “Os pais ou responsáveis ​​devem ir ao aeroporto sozinhos para encontrar o missionário que retornou e praticar um distanciamento social seguro enquanto estiverem lá. Dessa forma, o missionário será capaz de iniciar adequadamente o auto-isolamento.”

A carta também forneceu informações sobre os missionários que retornam para casa e suas desobrigações ou designações temporárias:

– Os élderes que servem nos Estados Unidos e no Canadá podem ser desobrigados com 21 meses de serviço.
– Os missionários que voltam para casa por motivos de saúde, de qualquer missão, devem ser desobrigados e ter 14 dias de auto-isolamento.
– Os élderes que retornam aos EUA e Canadá que têm menos de 180 dias restantes de missão devem ser desobrigados e ter isolamento de 14 dias.
– Os élderes que retornam aos EUA e ao Canadá que têm mais de 180 dias restantes de missão devem permanecer como missionários, e ter isolamento de 14 dias antes de serem transferidos temporariamente.
– As sisteres que retornarem aos EUA e Canadá com menos de 90 dias restantes de missão serão desobrigadas e terão 14 dias de auto-isolamento.
– As sisteres que retornarem aos EUA e Canadá com mais de 90 dias restantes de missão permanecerão como missionárias, ficarão isoladas por 14 dias e serão transferidas temporariamente.
– Os missionários que retornam ao seu país de origem na África irão diretamente para a missão designada.
– Os missionários que retornam a todos os outros países de origem permanecerão missionários, terão em isolamento por 14 dias e serão temporariamente transferidos.
– Os missionários que não puderem retornar ao seu país de origem – devido a restrições de viagem e outras situações – permanecerão em sua missão original ou serão temporariamente transferidos, conforme necessário.
– Todos os outros missionários devem concluir suas missões conforme programado.

Fonte: Church News

Siga-me!
Últimos posts por Antonio Carlos Lima (exibir todos)

Compartilhe!